.

Será a Isa?

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

O POETA DO AMOR

O Poeta é de palavras simples,
Mas directas ao coração do leitor...
É o fogo que arde de amor,
A cinza que não arrefece,
O manjar que ainda que pobre,
Enriquece!

O poeta é o amor em pleno Verão.
É o desejo, a aventura,
É o querer e o não querer,
É o amor e o senão
E é de resto a doçura
Que sai do seu coração!

O Poeta é simplesmente
O amor!

Autora: Isabel Moreira

9 comentários:

wcastanheira disse...

Ser poeta, é viver em plena harmonia, estar só na multidão, viajar, ir ao céu, descer, estar, ficar...ser poeta é ser tudo e poder falar qdo o mundo, está mudo, lindo seu texto, bjos, bjos, bjos...

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Poeta é aquele que consegue com esta simplicidade criar tanta beleza!!!

Um beijo!


Sonia Regina.

ISA disse...

Obrigada meus queridos amigos pelas vossas palavras de conforto, doçura e carinho. Amigo Castanheira, ser poeta é mesmo viver em plena harmonia e ao mesmo tempo estar só na multidão.
Amiga querida, obrigada pelas suas palavras: a simplicidade é de facto o mais rico instrumento do poeta.
Um beijo para ambos os meus amigos.
Isa

~~'dih disse...

parabéns pelo poema!amei³
;*

ISA disse...

Obrigada amiga dih pela sua visita ao meu espaço.
Visitei o seu espaço e adorei.
Sabe amiginha? Nós duas samos capricórnio. E parece termos a mesmo visão do Mundo.
Um beijo para vc.
Fica com Deus!

Fadinha disse...

Amei lindo!!!

ISA disse...

Obrigada Fadinha.
Um grande beijo para vc.
Da sua amiga
Isa

pedro disse...

Os poetas são honestos nas suas paixões e na formosura de sentir e recitar…
O seu ágil olhar selvagem tem a forma de possuir. O que os impede de fugir às ofensivas e avanços políticos que os pretendem banir.
O Poeta é núbil a resistir ao assédio incessante da obstinação do seu corpo, porque tem a relutância em possuir o que quer que seja com a alma da tolice imaginativa…
Os Poetas não assinalam nem crêem em milagres antigos, presentes ou inesperados …
Não aceitam actos de altruísmo subversivos, a superstição e a discrepância…

ISA disse...

Verdade, amigo Pedro, o poeta é tudo o que descreve no seu comentário. E mais, o poeta não tem fronteiras, pertence ao mundo. A sua poesia é compreendida por todos... ainda, que nem por todos, seja aceite.
Obrigada
jokinhas
Isa

CONDOMíNIO - ALGARVE

CONDOMíNIO - ALGARVE
GERAL

EUZINHA - MONTAGEM

EUZINHA - MONTAGEM

PISCINA -FÉRIAS

PISCINA -FÉRIAS
ALGARVE

PISCINA - RELVA

PISCINA - RELVA
ALGARVE

PISCINA INTERIOR

PISCINA INTERIOR
ALGARVE

COZINHA DO APARTAMENTO

COZINHA DO APARTAMENTO
PRAIA DA ROCHA

PISCINA EXTERIOR

PISCINA EXTERIOR
ALGARVE

VARANDA - FÉRIAS

VARANDA - FÉRIAS
ALGARVE

Apartamento 513

Apartamento 513
meu

PARAISO SOL DA ROCHA

PARAISO SOL DA ROCHA
FÉRIAS